14 Novembro 2017

Cepea avalia mercado europeu para frutas do Brasil

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/Esalq-USP) avaliou como está o mercado europeu para oito frutas nacionais (banana, lima ácida taiti, maçã, mamão, manga, melão, melancia e uva). Dentre os destaques das frutas analisadas pelo Cepea está a manga, considerada exótica até pouco tempo atrás e que tem se tornado cada vez mais popular no varejo europeu. Há mais de uma década, o Brasil se mantém como o principal fornecedor da fruta à União Europeia (UE).

O melão brasileiro aumentou participação no total que a UE comprou de fora do bloco (47% em 2016 frente os 39% em 2011). Na média dos últimos cinco anos (2012-2016), entre 70% e 80% do volume produzido pela maior região brasileira (Rio Grande do Norte e Ceará) foi destinado ao mercado internacional, e 94% da quantidade enviada foi para a União Europeia, de acordo com dados da Secex. 

A melancia também tem tido ótimo desempenho nas exportações, com recorde em 2016/2017. A participação do Brasil nos envios à UE cresceu nos últimos 10 anos, passando de 16,8% para 21,4% em 2016. 

Segundo o Cepea, a receita cambial com exportação de frutas frescas deve alcançar US$ 662,02 milhões este ano. A crescente demanda da UE, no entanto, pode ser uma oportunidade para que a receita obtida com as exportações brasileiras alcance recorde de US$ 1 bilhão em 2019, conforme projeções da Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas). 

De acordo com o Cepea, ainda há desafios para o Brasil consolidar seu espaço cada vez maior na UE, principalmente com melhorias na qualidade, diversificação da produção e busca de novos compradores. 


Fonte Rural BR

Mais Notícias

Colheita de soja atinge 91% da área no Brasil

21-04-2018

A colheita da safra 2017/2018 de soja atingiu 91% da área cultivada no Brasil na quinta-feira, dia 19, informou a consultoria AgRural, em levantamento semanal. O número representa avanço de seis pontos percentuais em uma semana e está próximo dos 92% de igual período do ano passado e dos 90% da média de cinco anos. Goiás concluiu a colheita de...

Leia mais...

Ford oferece picapes com desconto a produtores

21-04-2018

(function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(d.getElementById(id))return;js=d.createElement(s);js.id=id;js.src='https://embed.playbuzz.com/sdk.js';fjs.parentNode.insertBefore(js,fjs);}(document,'script','playbuzz-sdk')); Fonte Rural BR

Leia mais...

Governo vai vender milho e comprar arroz

20-04-2018

O governo divulgou nesta sexta-feira, dia 20, no Diário Oficial da União (DOU), Resolução número 2 do Conselho Interministerial de Estoques Públicos de Alimentos (Ciep), na qual ficam aprovadas as propostas dos representantes da Câmara Técnica do Ciep que, em reunião virtual ocorrida em 2 de março de 2018, deliberaram sobre a aquisição de até 70 mi...

Leia mais...

Paraná está em alerta por falta de chuva

20-04-2018

Produtores do Paraná estão em alerta por falta de chuva em áreas de cultivo de milho segunda safra, informou a consultoria AgRural, em levantamento semanal. "O tempo mais seco registrado em abril e a previsão de pouca chuva para as próximas duas semanas mantêm os produtores de milho segunda safra em alerta no sul de Mato Grosso do Sul, sul de São P...

Leia mais...

RS: colheita do arroz atinge 75% da área

20-04-2018

Os trabalhos de colheita das lavouras de arroz se intensificaram nos últimos dias, principalmente na região da fronteira oeste, segundo a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Rio Grande do Sul (Emater-RS). Em Maçambara, Manoel Viana, Itaqui, Itacurubi, São Borja e Uruguaiana a colheita se aproxima da finalização, ultrapassando os 90% ...

Leia mais...

RS: colheita do milho atinge 90% e a da soja, 65%

20-04-2018

A colheita de milho verão no Rio Grande do Sul avançou pouco na última semana, com agricultores priorizando a soja. Segundo a Emater, a área alcança 90% do total. Já a retirada da soja atinge 65% da lavoura total. Os preços dos grãos estão firmes no estado. A saca de milho é negociada a R$ 34,31 em média. "Produtores que têm estrutura de armazenage...

Leia mais...

Cana: Brasil deve moer 11 mi de toneladas a menos

19-04-2018

A moagem de cana-de-açúcar do Brasil deverá totalizar 628 milhões de toneladas na temporada 2018/2019, com queda de 11 milhões de toneladas frente à safra anterior, aponta o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).A produção de açúcar bruto está estimada em 34,2 milhões de toneladas, com um recuo de 4,7 milhões de toneladas se compara...

Leia mais...

Milho: Conab vai ofertar até 300 mil ton em leilão

19-04-2018

O primeiro leilão de venda de estoques públicos de milho do governo federal, a ser realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), deverá ofertar entre 200 e 300 mil toneladas, segundo fonte ligada à secretaria de política agrícola do Ministério da Agricultura.A expectativa é de que a portaria autorizando a realização dos leilões, para ...

Leia mais...

Conab negocia arroz estocado para SC e RS

19-04-2018

O leilão de Prêmio de Escoamento de Produto (PEP) para arroz, realizado nesta quinta-feira, dia 19, registrou demanda para 83% da oferta de 90 mil toneladas, ou  74,5 mil toneladas. O produto está armazenado em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul.O prêmio saiu pelo preço de abertura, que era de R$ 3/saca no RS e de R$ 1,48/saca em SC. Já o l...

Leia mais...