19 Janeiro 2018

Colheita do milho no Rio Grande do Sul atinge 14%

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

A colheita do milho no Rio Grande do Sul atingiu 14% do total de sua área. De acordo com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), as produtividades das lavouras têm se mantido dentro do previsto e com colheitas satisfatórias. Esses resultados não são uma surpresa, uma vez que essas lavouras completaram seu ciclo sem maiores problemas.

A atenção está voltada agora para o restante das lavouras em floração e enchimento de grãos, que perfazem 50% do total semeado nesta safra. Em parte destas lavouras há indícios de que as plantas já começam a sentir, de forma mais incisiva, os efeitos da deficiência hídrica provocada pela falta de chuvas mais abundantes e regulares.

Ao contrário de anos anteriores, dezembro registrou chuva abaixo do esperado em algumas zonas produtoras, atingindo lavouras em plena floração e formação da espiga, dependendo da região. O efeito dessa situação é refletido em espigas mal formadas e grãos menores, com pouco peso. São justamente essas lavouras que deverão amadurecer e ser colhidas daqui para diante.

Caso as condições meteorológicas adversas persistam, é provável que o estado não consiga repetir os excelentes índices obtidos nos últimos anos.

SojaAs chuvas ocorridas na última semana trouxeram um pequeno alento aos produtores gaúchos de soja, pelo menos onde ocorreram de fato, pois em muitos municípios choveu muito pouco ou mesmo nada.

Nas cultivares com período maior de crescimento até a floração, espera-se uma retomada na evolução das plantas até a plena floração, com as plantas entrando nesse estágio com maior área foliar e porte mais adequado.

Essa perspectiva ainda é possível para 60% das lavouras que se encontram em desenvolvimento vegetativo, mas ainda assim, dependerá da sequência de chuvas nos próximos dias ou semanas.

Todavia, para aquelas que se encontram em adiantado estágio de floração (30%) e em formação dos grãos (10%), as preocupações são muito grandes pelo pequeno porte das plantas, principalmente em cultivares muito precoces, o que poderá comprometer bastante a produtividade final.

ArrozO desenvolvimento vegetativo das lavouras de arroz do Rio Grande do Sul tem melhorado nos últimos dias. A melhora é favorecida pelas condições climáticas do período, com temperatura alta e bastante luminosidade.

Há um grande desestímulo com a atividade em virtude da queda constante do preço da saca de arroz, que tem se mantido pouco acima do custo de produção, conforme apontam os institutos de pesquisa e as empresas do setor arrozeiro.

Na outra ponta, os insumos para a lavoura arrozeira não acompanharam essa queda no preço nos últimos meses, mantendo-se com preços estáveis e com viés de pequena alta em determinados produtos.

Em relação aos preços das semanas anteriores, nota-se uma manutenção dos valores das principais variedades comercializadas. Dessa forma, a perspectiva do mercado local é a estabilização do preço médio da saca de arroz para as próximas semanas.

No momento, os produtores seguem com os tratos culturais imediatamente subsequentes à semeadura, assim como os relativos à fase de desenvolvimento vegetativo, controle de invasoras e pragas, aplicação de fertilizantes em cobertura e irrigação.

A estiagem que tem afetado o desenvolvimento de outras culturas, principalmente as de sequeiro, não preocupa os orizicultores no momento. O bom acúmulo de água nas barragens e reservatórios, assim como a vazão da maioria dos rios têm dado segurança no quesito irrigação neste momento em que as lavouras entram em fase reprodutiva com mais intensidade.


Fonte Rural BR

Mais Notícias

Veja o que esperar do mercado na próxima semana

20-05-2018

Acompanhe as indicações do analista Fernando Henrique Iglesias, da consultoria Safras & Mercado, sobre o que vai ser importante para o mercado de milho na próxima semana. (function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(d.getElementById(id))return;js=d.createElement(s);js.id=id;js.src='https://embed.playbuzz.com/sdk.js';fjs.par...

Leia mais...

Saiba o que mexe com o mercado na semana que vem

19-05-2018

Confira as indicações do analista Luiz Fernando Roque, da consultoria Safras & Mercado, sobre os fatos que vão ser destaque no mercado de soja na próxima semana. Questões envolvendo a safra americana e as tensões comerciais entre  e China merecem atenção.(function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(d.getElementById(id)...

Leia mais...

Ford Ranger 2019 ganha nova versão de trabalho

19-05-2018

(function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(d.getElementById(id))return;js=d.createElement(s);js.id=id;js.src='https://embed.playbuzz.com/sdk.js';fjs.parentNode.insertBefore(js,fjs);}(document,'script','playbuzz-sdk')); Fonte Rural BR

Leia mais...

EUA: negociação com China avança

18-05-2018

A China começou a reduzir as tensões com os Estados Unidos durante as negociações comerciais entre os dois países em Washington, que hoje entraram no segundo dia. Os chineses decidiram encerrar uma investigação sobre práticas de dumping envolvendo o sorgo importado dos Estados Unidos que na prática havia interrompido as vendas do produto norte-amer...

Leia mais...

Conab anuncia novo leilão de estoques para 24/5

18-05-2018

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realizará novo leilão de venda de estoques públicos de milho no dia 24 de maio. A quantidade ofertada será de 170 mil toneladas, inferior ao volume total oferecido para venda nas operações realizadas na quinta-feira, dia 17, de 186 mil toneladas. O produto deverá atender criadores de animais que utiliza...

Leia mais...

Colheita do milho no Rio Grande do Sul atinge 98%

18-05-2018

Os trabalhos de campo nas lavouras de milho no Rio Grande do Sul estão em fase final, restando basicamente as lavouras cultivadas na segunda safra. Segundo a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-RS), a área colhida no estado atingiu 98%.De acordo com a entidade, a produtividade das áreas já colhidas permanece ao redor de 105 saca...

Leia mais...

Exportação de suco de laranja cresce 30% em 2018

18-05-2018

O encerramento da safra 2017/2018 se aproxima e as exportações brasileiras de suco de laranja em equivalente concentrado continuam em alta. Conforme colaboradores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), esse cenário está atrelado à maior produção no cinturão citrícola, formado por São Paulo e pelo Triângulo Mineiro, nesta safra...

Leia mais...

Arroz: colheita no RS está na reta final

17-05-2018

A colheita da safra de arroz 2017/2018 no Rio Grande do Sul está na reta final. Levantamento do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), divulgado nesta quinta-feira, dia 17, mostra que da área semeada, de 1,07 milhão de hectares, 1.034.486 hectares foram colhidos, ou 96,6% do total. O volume retirado do campo até agora alcança 8,209 milhões de ton...

Leia mais...

Milho: Monsanto anuncia acordo com Corteva

17-05-2018

A Monsanto, que está próxima de concluir sua venda para a Bayer, anunciou um acordo de licenciamento com a Corteva Agriscience, divisão de agricultura da DowDuPont. Na prática, o acordo vai permitir que a Corteva incorpore em suas novas variedades de milho tecnologia desenvolvida pela Monsanto que protege a cultura da broca. Essas sementes de milho...

Leia mais...