14 Maio 2018

Dólar pode minimizar prejuízos da safra argentina

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

A desvalorização do peso argentino em relação ao dólar, que já chega a 12% neste mês e a 23% no acumulado do ano, tornou-se a esperança dos produtores de soja e milho do país vizinho para reduzir as perdas que eles tiveram com a seca, tida como a pior dos últimos 70 anos.

O agricultor Santos Zuberbühler, que produz nas províncias de Buenos Aires e Córdoba, conta que ainda tem 30% da safra para vender e 100% da segunda safra. Essa parte da produção não foi negociada e será vendida por um dólar mais alto. "A safra atual é dessas para não querer se lembrar nunca mais, mas a desvalorização vai ajudar. Metade dos nossos custos são em pesos e agora eles valem menos por quilo de soja."

O economista Martín Ravazzani, da consultoria Ecolatina, destaca que a desvalorização do peso vai melhorar sobretudo a rentabilidade dos produtores que estão nas províncias em que Santos atua. Aqueles que estão em outras zonas costumam ter mais gastos em dólares, pois precisam transportar a safra por rodovia até os portos.  

Segundo cálculos da Fundação Agropecuária para o Desenvolvimento da Argentina (Fada), o país ainda tem 52% da colheita total para vender, o que é considerado normal para essa época do ano. Há também parte da safra passada que ainda não foi comercializada - pouco mais de 10% do total, o que resultará em US$ 2,6 bilhões para o país. 

David Miazzo, economista da Fada, lembra, porém, que os grandes produtores não devem perceber mudanças com as alterações no valor do peso, já que costumam se proteger no mercado cambial. "Houve também quem perdeu absolutamente toda a produção na seca. Para esses, não tem preço em dólar que compense", diz.

Entenda o caso

A falta de chuvas entre novembro e março na Argentina deverá reduzir a safra de soja deste ano em 30% em relação à projeção inicial e, a de milho, em 18%.  A Ecolatina estima que o PIB do país deixará de crescer 0,8 ponto porcentual neste ano por causa da seca e projeta alta menor do que 2% para a economia em 2018.  

A produção agrícola responde por dois terços das receitas com exportações da Argentina, que vem sofrendo uma fuga de capitais há duas semanas.


Fonte Rural BR

Mais Notícias

Faturamento da AgroBrasília cresce 10% em relação à edição anterior

19-05-2019

Faturamento da AgroBrasília cresce 10% em relação à edição anterior

Realizada no Parque Tecnológico Ivaldo Cenci, no Distrito Federal, a AgroBrasília conseguiu aumentar o faturamento em 10%, totalizando R$ 1,2 bilhão, e superou a edição anterior. A Feita Internacional dos Cerrados, como é chamada, também bateu recorde de público: até o encerramento, no sábado, dia 18, cerca de 121 mil visitantes passaram pelos esta...

Leia mais...

Direto ao Ponto estreia novo formato e discute prorrogação do PRA

19-05-2019

Direto ao Ponto estreia novo formato e discute prorrogação do PRA

O Direto ao Ponto, tradicional programa de entrevistas das noites de domingo do Canal Rural, está de cara nova. Agora, dois convidados participam simultaneamente, de forma a enriquecer o debate.Estreando o formato, o deputado federal Sérgio Souza (MDB-PR) e o consultor de Meio Ambiente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), Vicente Silva, fal...

Leia mais...

Procurando emprego em Agronomia? Rede social reúne 1.800 vagas

19-05-2019

Procurando emprego em Agronomia? Rede social reúne 1.800 vagas

Cursa ou é formado na área de Agronomia e está procurando por oportunidades no mercado de trabalho? Há mais de 1.800 vagas abertas no LinkedIn, segundo pesquisa. A plataforma traz anúncios de empresas que buscam diretamente seus profissionais e também agências de empregos.A Ouro Fino, por exemplo, está com uma vaga de estágio em inteligência de mer...

Leia mais...

Mais lida: Bolsonaro sanciona lei que regulamenta terapia com cavalos

19-05-2019

Mais lida: Bolsonaro sanciona lei que regulamenta terapia com cavalos

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, nesta semana, a lei que regulamenta a terapia com cavalos. Segundo publicação feita no Diário Oficial da União (DOU), a equoterapia deverá ser adotada mediante parecer favorável de avaliação médica, psicológica e fisioterápica, além de ser obrigatório a formação de uma equipe composta por um médico veterinário...

Leia mais...

Confira o que pode mexer com as cotações do milho na próxima semana

19-05-2019

Confira o que pode mexer com as cotações do milho na próxima semana

Esta semana, as cotações do milho registraram forte alta na Bolsa de Chicago. De acordo com o analista da Safras Consultoria Fernando Henrique Iglesias, o movimento se tornou consistente à medida que informações sobre o clima para as lavouras norte-americanas foram divulgadas.Os índices pluviométricos previstos para as próximas duas semanas tendem ...

Leia mais...

Instituto avalia uso de palha de cana-de-açúcar para gerar energia

19-05-2019

Instituto avalia uso de palha de cana-de-açúcar para gerar energia

Com o objetivo de auxiliar a indústria sucroalcooleira no reaproveitamento da palha da cana-de-açúcar, pesquisadores do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) estudam a utilização do subproduto para gerar energia elétrica. O potencial, segundo a entidade, é bastante similar ao do bagaço, mas usinas têm apenas descartado no campo ou queimado esse...

Leia mais...

Freio de Ouro: assista ao vivo à Classificatória Aberta em Esteio

19-05-2019

Freio de Ouro: assista ao vivo à Classificatória Aberta em Esteio

Direto de Esteio, no Rio Grande do Sul, o Canal Rural transmite ao vivo neste domingo, dia 19, a final da Classificatória Aberta ao Freio de Ouro. Os 16 mais bem pontuados nesta etapa, sendo 8 machos e 8 fêmeas, vão para a grande final da maior prova do cavalo crioulo.A quarta classificatória da temporada integra a programação da XV Fenasul e leva ...

Leia mais...

Faculdade CNA abre inscrições para cursos a distância

19-05-2019

Faculdade CNA abre inscrições para cursos a distância

Estão abertas as inscrições para os cursos de ensino superior a distância em Gestão do Agronegócio, Gestão Ambiental, Gestão de Recursos Humanos e Processos Gerenciais da Faculdade CNA. A instituição atua na formação de profissionais focados na gestão, aumento de competitividade e sustentabilidade dos empreendimentos rurais para que possam auxiliar...

Leia mais...

Ervas daninhas: conheça as técnicas de manejo sem agroquímicos

19-05-2019

Ervas daninhas: conheça as técnicas de manejo sem agroquímicos

Controle de plantas daninhas: métodos físico, mecânico, cultural, biológico e alelopatia é o título do livro lançado pela Embrapa. Segundo um dos editores técnicos, o pesquisador Maurílio Fernandes de Oliveira, da área de Produção Vegetal da unidade Milho e Sorgo, o livro é a primeira obra nacional a abordar o controle de ervas-daninhas por métodos...

Leia mais...