11 Junho 2019

Crédito de R$ 248 bi e prorrogação do PRA são temas do Conexão Brasília

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

No programa Conexão Brasília desta terça-feira, dia 11, o deputado José Mário Schreiner (DEM-SC) falou sobre a importância da aprovação do projeto de crédito suplementar, PLN 4/2019, em que o Executivo pede autorização do Congresso Nacional para garantir o pagamento de benefícios e subsídios assistenciais, por meio de operações de crédito.

“O PLN 4 é um crédito suplementar de R$ 248 bilhões onde está também o recurso para o Plano Safra, algo em torno de R$ 10 bilhões. São aqueles recursos que são usados para equalizar os juros, recursos para o seguro rural”, destacou Schreiner. E a forte atuação dos parlamentares da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) fez efeito: o projeto foi aprovado nesta terça-feira, na Comissão Mista de Orçamento. A proposta segue agora para o plenário do Congresso.

Outro assunto de extrema importância para o setor produtivo é a prorrogação do Programa de Regularização Ambiental (PRA). Mais de 20% dos produtores rurais dos estados do Nordeste não conseguiram fazer o Cadastro Ambiental Rural (CAR), que é um dos pré-requisitos para que os agricultores possam fazer a adesão ao PRA.

Diante dessa situação, a Câmara Federal aprovou em maio, o projeto de lei de conversão N° 9/2019 da MP 867/2019. Mas a proposta não foi votada no Senado e perdeu sua validade. O maior entrave para o PRA é que o sistema ainda não foi implementado em todos os estados, o que acaba prejudicando o homem do campo, que fica sem acesso ao crédito rural.

A FPA defende que só a partir da assinatura do termo é que o produtor passe a ter o prazo de um ano para cumprir com a regularização ambiental. O senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) protocolou um novo projeto de lei com a mesma intenção.

“Esse cadastro nós temos que tornar permanente, o CAR permanente, e nós também temos que ampliar o prazo do Programa de Regularização Ambiental já na lei que nós estamos querendo fazer”, disse o senador.

Autor do projeto de lei Terra para Mais Empregos e Mais Alimentos, o senador Irajá Abreu (PSD-TO) explicou a proposta no Conexão Brasília. A intenção é atrair mais de R$ 50 bilhões por ano ao Brasil em investimentos, o que vai aquecer a economia, gerar emprego e ofertar a produção de alimentos.

A proposta autoriza a compra e o arrendamento de propriedades rurais brasileiras por empresas nacionais que tenham capital estrangeiro. “A gente conseguiu criar um projeto conservador, equilibrado, sereno, tirando da proposta todos os pontos possíveis que pudessem ser objeto de discordância na sua tramitação”, disse Abreu.

Já o deputado Dr. Leonardo (Solidariedade-MT) detalhou a proposta que amplia para 2025 o prazo para validação dos registros referentes aos imóveis rurais com origem em títulos de alienação ou de concessão de terras em faixa de fronteira. O deputado mato-grossense quer regularizar a titulação das propriedades dessas terras. A pauta está em tramitação na Câmara dos Deputados.

“Nesse primeiro momento, nós estamos pedindo pra prorrogar esse prazo até 2025, e estamos numa comissão de estudos aqui na FPA e CNA para fazermos uma legislação pra pacificar definitivamente esse tema”, afirmou o deputado.

O Conexão Brasília vai ao ar pelo Canal Rural todas as terças-feiras, às 12h05, com transmissão também pelo Facebook.


Fonte Canal Rural

Mais Notícias

Coronavírus: produtor dobra número de entregas de hortaliças

26-03-2020

Um produtor familiar do Rio Grande do Sul precisou dobrar a produção de hortaliças por conta do aumento da demanda de quem mora na cidade e está em quarentena por conta do novo coronavírus.Mateus Trevisan, agricultor do município de Viamão, relata sua experiência em atender seus clientes que estão em isolamento por conta da doença. Ele afirma que o...

Leia mais...

Coronavírus: ministro da Saúde diz que agro está segurando economia

26-03-2020

Durante coletiva de imprensa realizada nesta quarta-feira, 25, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, ressaltou que o Brasil não pode parar e por isso a importância dos serviços essenciais. Mandetta diz que é difícil neste momento determinar o que é fundamental e usou como exemplo o chaveiro, que para quem perdeu a chave de casa, passa a ser ...

Leia mais...

Benedito: ‘Problema no escoamento do leite poderia ter sido evitado’

26-03-2020

O avanço do coronavírus pelo Brasil já afeta diversas cadeias produtivas do país, um dos setores é o de leite. Para o comentarista do Canal Rural Benedito Rosa, é preciso ter um plano de ações para as consequências já previsíveis.“Algumas consequências são imprevisíveis e isso é fato. Mas outras são, e poderiam ter sido evitadas pelo governo,...

Leia mais...

Com comércio fechado, laticínios não conseguem vender produtos 

26-03-2020

Com as feiras agropecuárias sem previsão para acontecer e o comércio fechado, produtores de queijo do Nordeste encontram dificuldades para comercializar os seus produtos, de acordo com levantamento feito pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Segundo Bruno Lucchi, superintendente técnico da entidade, entre a quarta, 25 e a qui...

Leia mais...

Chuvas devem voltar ao RS, mas ainda com baixos acumulados; saiba quando

26-03-2020

De acordo com a Somar Meteorologia, o excesso de chuva nas áreas no norte do Brasil indica que falta umidade em outras partes do Brasil. No Sul contabilizam-se cinco meses de irregularidades na distribuição das chuvas com um déficit hídrico em torno de 150 a 200 milímetros no período. O excesso de água tem prejudicado a colheita no Matopiba, divers...

Leia mais...

Autoridades e trabalhadores unem esforços para manter o fluxo do agro

26-03-2020

No último sábado, 2, o governo federal publicou um decreto estabelecendo que produção, distribuição e comercialização de alimentos e bebidas são atividades essenciais e, portanto, não podem ser interrompidas durante a crise  provocada pelo coronavírus. Mesmo assim, medidas locais de municípios e Estados restringem a circulação de transportadores de...

Leia mais...

Coronavírus : auditores agropecuários continuam trabalhando intensamente

26-03-2020

Auditores Fiscais Federais Agropecuários que atuam diretamente na inspeção de produtos de origem animal e vegetal, nas certificações para exportação e ingresso de produtos nas aduanas, alfândegas, portos e aeroportos permanecem em plena atividade durante a pandemia de Covid-19. Os profissionais estão mantendo todos os cuidados necessários, é por is...

Leia mais...

Contra Covid-19: Porto de Paranaguá cria esquema médico para caminhoneiros

26-03-2020

Os caminhoneiros e trabalhadores portuários que passarem pelo o , no Paraná, a partir de agora terão a ajuda e orientação de equipes médicas para o combate do coronavírus. Por lá poderão fazer a medição de temperatura, avaliação de sintomas compatíveis com a Covid-19 e o encaminhamento ao hospital, dos casos necessários.Segundo o presidente da Port...

Leia mais...

CNA: saiba os detalhes do pedido de ajuda financeira aos produtores

26-03-2020

A Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA)  divulgou nesta quarta-feira, 25, de um documento com uma série de propostas para atenuar os efeitos da crise do novo coronavírus no agronegócio.Entre as reivindicações estão a prorrogação automática de financiamento de custeio para produtores que a soma dos contratos totalizam R$ 1,5 milhão,...

Leia mais...