20 Novembro 2019

Sojicultor aposta em inoculação no sulco e consegue aumento de produtividade

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Os produtores de Capão Bonito, no interior de São Paulo, não abrem mão da inoculação e da coinoculação das sementes de no sulco de plantio. Com isso, eles conseguiram aumentar a produtividade em até 10% por hectare.

Olhando as lavouras recém emergidas não dá para notar, mas junto com as sementes, no sulco de plantio, também foram colocadas duas bactérias: bradyrhizobium japonicum e azospirillum brasilense. Assim são feitas as chamadas inoculação e coinoculação. O produtor de Capão Bonito, Edson Sukessada, apostou nas bactérias e ganhou no aumento de sacas por hectare.

“Sem dúvida agregou em produtividade, pois a nodulação da raiz da soja se mostrou melhor, mais eficiente. Então, logicamente, isso aí reflete em produtividade”, afirma o produtor.

No primeiro ano de inoculação, Sukessada colheu sete sacas a mais por hectare. No ano passado acrescentou uma bactéria a mais no processo e conseguiu uma saca extra. Parece pouco, até se multiplicar isso por 1.000 hectares.

Os produtores garantem que os custos não sobem tanto com este manejo, não. A inoculação custa, em média, R$ 15 por hectare. E a coinoculação ainda menos: R$ 8 por hectare.

Para adaptar a plantadeira para esta aplicação, o investimento foi de R$ 10 mil. Em Capão Bonito é comum encontrar produtores que aderiram ao processo. O produtor Leandro Egli, foi um dos pioneiros.

“A gente tentava buscar um ganho em produtividade, uma melhora nas nossas áreas. E a coinoculação veio a trazer isso. Buscamos maior produtividade e esse manejo trouxe esse incremento pra gente”, afirma.

Por aqui, os produtores preferem adicionar as bactérias no sulco de plantio e não durante o tratamento das sementes.

“São organismos que têm vida. Se você faz um tratamento de semente com químico, você tem uma morte acentuada de bacilos, das bactérias, que faz com que você tenha uma perda na produtividade. A partir do momento que você faz a inoculação no sulco, você diminui o contato do químico com a bactéria, então você tem uma menor perda”, afirma o engenheiro agrônomo Nélio Uemura.

Com a inoculação, a raiz da soja cresce mais e aparecem os tais nódulos. O nitrogênio absorvido pela planta é facilitado pelas bactérias, consequentemente melhoram a produtividade.

Em quantidade, tem a necessidade em torno de 500 a 600 quilos de nitrogênio para se produzir 5 mil quilos de soja por hectare. Então, é um nutriente muito importante e que se não tiver no sistema, você tem uma perda de produtividade”, alerta Uemura.


Fonte Canal Rural

Mais Notícias

‘Biodefensivos passaram por transformação tecnológica’, diz Croplife

05-07-2020

O aumento do uso de produtos biológicos no controle de pragas no campo foi o assunto do programa Direto ao Ponto deste domingo, 5. A diretora-executiva de biológicos da Croplife Brasil, Amália Borsari, destacou que o Programa Nacional de Bioinsumos vai incentivar mais investimentos do setor privado em pesquisas e desenvolvimento de novos produtos b...

Leia mais...

Assista na íntegra ao Canal Rural News: Covid-19 em Mato Grosso e os impactos no agro

05-07-2020

O programa deste domingo repercutiu o crescimento dos casos do novo coronavírus em Mato Grosso, um dos estados mais importantes para o agronegócio brasileiro. O jornalista Luiz Patroni conversou com o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, e com o comentarista político do Canal Rural, Alexandre Garcia. Fonte Canal Rural

Leia mais...

‘O agronegócio não precisa da Amazônia’, diz ministra da Agricultura

05-07-2020

O agronegócio não precisa das terras da Amazônia para expandir sua produção no país. A afirmação da ministra da Agricultura, Tereza Cristina. O agro, diz a ministra, tem crescido nas áreas já desmatadas e a Amazônia, com seu clima e terras diferentes das demais regiões, não é atraente, além de não contar com infraestrutura logística. “Não pre...

Leia mais...

Previsão do tempo para segunda e terça indica novo ciclone e temporais no Sul

05-07-2020

SulA frente fria se afasta da região, mas ajuda a provocar elevados volumes de chuva, em especial no norte do Rio Grande do Sul e em Santa Catarinense. Uma área de baixa pressão atmosférica no Paraguai também influencia essas pancadas de chuva, que se intensificam ainda mais no período da tarde.A atenção deve será redobrada, pois essas regiões já s...

Leia mais...

Quer começar a criar abelhas sem ferrão? Confira curso online da Embrapa

05-07-2020

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), por meio da sua plataforma digital, oferece gratuitamente  o curso de   a distância, para iniciantes na criação de abelhas sem ferrão.Dentre os principais objetivos do curso, estão: conhecer a biologia das abelhas, aprender e aprimorar as técnicas de manejo, sanar dúvidas relacionadas à biolo...

Leia mais...

Viu isto? Alexandre Garcia critica suspensão de frigoríficos do Brasil pela China

05-07-2020

Na última semana, a China suspendeu a habilitação de mais três frigoríficos brasileiros que exportam para o país asiático. Nos bastidores, diz-se que o governo chinês teme contaminação por Covid-19 através das cargas, mas não há prova cientifica disso até então. O comentarista do Canal Rural Alexandre Garcia critica a medida e destaca que o Brasil ...

Leia mais...

Covid-19: Paraná publica documento com medidas de prevenção em frigoríficos

05-07-2020

A Secretaria de Saúde do Paraná publicou na última semana um documento que estabelece medidas de prevenção e controle da transmissão do vírus causador da Covid-19 em indústrias de abate e processamento de carnes. Entre as medidas publicadas na , há a indicação de que todas as indústrias devem instituir um plano de contingência para prevenção, monit...

Leia mais...

Soja: ritmo de vendas antecipadas é duas vezes maior que a média para o período

05-07-2020

As vendas antecipadas de soja seguem bastante a frente dos movimentos normais no Brasil. Os preços recordes e em constantes altas estão favorecendo os negócios. Se da safra colhida (2019/2020) não resta muito a vender, a atenção se volta para a safra que nem plantada foi (2020/2021), que já apresenta um ritmo de vendas duas vezes maior que a média ...

Leia mais...

Milho: confira a tendência para as cotações nesta semana

05-07-2020

Acompanhe abaixo os fatos que merecerão a atenção do mercado de milho na próxima semana. As dicas são do analista da Safras Paulo Molinari. Fonte Canal Rural

Leia mais...