05 Dezembro 2019

Soja apresenta preços firmes no Brasil com nova alta em Chicago 

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

O mercado brasileiro de apresentou preços firmes nesta quinta-feira, refletindo mais uma subida na Bolsa de Chicago para a oleaginosa, a terceira consecutiva. A baixa do dólar, entretanto, limitou o impacto positivo da alta em Chicago. Com os valores avançando, houve moderado ritmo de negócios. Em Mato Grosso, Paraná e Rio Grande do Sul foram reportados no total negócios para algo em torno de 100 mil toneladas. 

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos subiu de R$ 84,50 para R$ 85,50 a saca. Na região das Missões, a cotação avançou de R$ 84 para R$ 85. No porto de Rio Grande, o preço subiu de R$ 90 para R$ 91.  Em Cascavel, no Paraná, o preço avançou de R$ 83,50 para R$ 84,50 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca avançou de R$ 89 para R$ 89,50.

Em Rondonópolis (MT), a saca passou de R$ 83 para R$ 84. Em Dourados (MS), a cotação permaneceu em R$ 82. Em Rio Verde (GO), a saca seguiu em R$ 82,50.

Chicago

Os contratos futuros da negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a quinta-feira com preços mais altos. Após atingir os menores níveis em três meses na segunda, o mercado ainda se encontra sobrevendido, o que favorece operações de barganha.  

O mercado segue monitorando as negociações entre China e Estados Unidos em busca de um acordo comercial. As fracas exportações semanais apenas amenizaram o impacto altista do cenário técnico.  

As exportações líquidas norte-americanas de , referentes à temporada 2019/20, com início em 1 de setembro, ficaram em 683.800 toneladas na semana encerrada em 28 de novembro. Representa uma retração de 59% frente à semana anterior e um recuo de 55% ante à média das últimas quatro semanas.  

Os contratos da em grão com entrega em janeiro fecharam com alta de 6,25 centavos de dólar, ou 0,71%, a US$ 8,84 1/4 por bushel. A posição março teve cotação de US$ 8,98 3/4 por bushel, ganho de 6,25 centavos de dólar, ou 0,7%.

O Canal Rural quer saber o que você deseja para a agropecuária brasileira no ano que vem. A editora de Tempo, Pryscilla Paiva, explica como participar. Grave seu vídeo e mande para o nosso

 


Fonte Canal Rural

Mais Notícias

Bolsonaro participa de lançamento simbólico do plantio da soja em Mato Grosso

18-09-2020

O presidente da República, Jair Bolsonaro, fez uma visita às cidades de Sorriso e Sinop, em Mato Grosso, nesta sexta-feira, 18.  Após falar com jornalistas e visitar uma usina de etanol, Bolsonaro fez um ato simbólico com a entrega de 1690 títulos de  terra a agricultores familiares do município de Nova Ubiratã e falou da importância do setor na ec...

Leia mais...

Valores do boi gordo sobem nas regiões Centro-Oeste e Norte do país

18-09-2020

Os preços do boi gordo voltaram a subir em algumas regiões produtoras do país nesta sexta-feira, 18. “Os preços seguem sob pressão de alta principalmente nas regiões Centro-Oeste e Norte do país”, disse o analista de Safras & Mercado, Fernando Henrique Iglesias.Segundo ele, a oferta de animais terminados tende a permanecer restrita ...

Leia mais...

Daoud: Visita de Bolsonaro mostra que governo prioriza infraestrutura em MT

18-09-2020

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que as obras de duplicação da BR-163, principal rota do escoamento agrícola do Brasil, ficarão prontas no final de 2021, no trecho de Rondonópolis até Cuiabá, em Mato Grosso. O presidente falou aos jornalistas durante visita à uma usina de etanol em Sinop (MT), nesta sexta-feira, 18, ao lado do ministro de Infrae...

Leia mais...

Dólar sobe e impulsiona negociações do milho no mercado interno

18-09-2020

O mercado brasileiro de milho registrou preços firmes, de estáveis a mais altos nesta sexta-feira, 18. A alta do dólar elevou as cotações do milho nos portos, e alguns negócios foram realizados, segundo o consultor de Safras & Mercado, Paulo Molinari. Isso deu sustentação às cotações no mercado interno, que apresentou menor oferta.Porém, não ho...

Leia mais...

Defesa Vegetal do RS alerta para recebimento de sementes suspeitas

18-09-2020

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) confirmou que quatro pessoas já receberam sementes clandestinas pelo Correio sem consentimento. Os casos foram registrados no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Goiás e Mato Grosso do Sul.O Canal Rural mostrou esta semana o caso de Gabriel Zapella, morador de Jaraguá do Sul (SC).  Na sema...

Leia mais...

Cafeicultores podem enfrentar dificuldades para estocar produção

18-09-2020

Pela primeira vez, o Brasil está com o estoque de café completamente abastecido. O que pode ser um problema para os produtores que não sabem onde estocar os grãos.No entanto, para o analista do Escritório Carvalhaes, Eduardo Carvalhaes, essa crise pode ser um bom sinal. “Nós temos uma colheita favorável. Devido à falta de chuvas, a secagem andou ma...

Leia mais...

Temporais retornam ao interior do Brasil neste fim de semana

18-09-2020

De acordo com a meteorologia, há potencial para granizo e ventania no Paraná, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Rondônia e AmazonasO último fim de semana de inverno já terá a cara da primavera em parte do interior do Brasil. Depois de três meses sem chuva expressiva, há previsão de pancadas em Mato Grosso do Sul. Também vai voltar a chover no norte do...

Leia mais...

Bolsonaro: Agronegócio evitou que Brasil entrasse em colapso econômico

18-09-2020

O presidente Jair Bolsonaro voltou a enaltecer a participação do agronegócio na manutenção da economia brasileira durante o período da pandemia da covid-19. Ele participou nesta sexta-feira, 18, de evento em Sorriso (MT) para entrega de cerca de 1.800 títulos de propriedade rural a agricultores familiares. “O agronegócio em grande parte evito...

Leia mais...

China recebe primeira carga de melão brasileiro após assinatura de acordo

18-09-2020

A China recebeu nesta sexta-feira,18, o primeiro embarque de melões brasileiros após acordo bilateral firmado entre os países. Cerca de três toneladas e meia de melão pele de sapo, da região de Mossoró (RN), desembarcaram no Aeroporto de Xangai.O acordo que viabilizou a exportação do melão brasileiro para a China foi firmado em novembro de 2019, du...

Leia mais...